NOTÍCIAS

Bruno Paulo espera ver Arruda lotado contra o Inter

O atacante coral Bruno Paulo acredita que neste sábado, contra o Internacional, pela primeira vez poderá ver uma atmosfera diferente no Arruda. O jogador escutou falar muito da torcida tricolor e criou a expectativa de ver o Arruda lotado. Há 15 dias no Recife, ele ainda aguarda o momento de ver o estádio lotado. 

- Eu nunca vi a torcida aqui ainda. Até agora é só de falar. Estão falando que vão encher agora contra o Inter, né?! Tomara que sim. - disse o atacante.

A parcial de ingressos vendidos divulgada pelo Santa Cruz, na noite da quinta-feira, foi de 11.643. Assim, já é certo que o Tricolor terá seu maior público da temporada. Bruno já se mostra completamente adaptado ao elenco. Já titular do time, ele tem um gol marcado na última terça-feira contra o Ceará, e garante união total entre os atletas.

Santa Cruz faz promoções de ingressos para jogo contra o Londrina

Visando permanecer no G4, O Santa Cruz realiza promoções nos valores dos ingressos para a partida contra o Londrina, às 20h30 da próxima sexta-feira, válida pela 6ª rodada da Série B. A diretoria do Tricolor manteve os preços promocionais, com ingressos a partir de 10 reais. As vendas acontecem no Arruda.

Preços e horários de venda

- Quarta (07/06): 9h às 18h
- Quinta (08/06): 9 às 18h
- Sexta (09/06): 9h às 21h30

Arquibancada Superior (Somente para a torcida Coral)
R$ 10,00

Arquibancada Inferior

R$ 20,00 (Meia)
R$ 40,00 (Inteira)

Sócio: gratuidade ou desconto, de acordo com o plano.

Santa Cruz apresenta mais dois novos reforços

O Santa Cruz apresentou mais dois novos reforços para o Brasileirão série B. Os mais dois novos reforços corais são os atacantes Augusto ex Campinense-PB e Bruno Paulo ex Audax SP. O discurso de apresentação dos atacantes Augusto e Bruno Paulo pode ser resumido em uma só a expressão: chance da carreira. 

- Eu já mostrei muita coisa, mas sei que posso ainda mais. Aqui vai ser uma oportunidade de mostrar que posso conseguir meus objetivos. Aqui é pressão, mas também como o Corinthians é. É time grande, de torcida. Eu vim mais por causa disso. Estou precisando - afirmou Bruno Paulo, que se mostrou empolgado com a oportunidade.

Augusto também valorizou a chance de defender o Santa Cruz, o primeiro grande clube da sua carreira.

- O que me seduziu a vir para cá foi o projeto que o clube tem, de retomada, que é colocar o Santa Cruz no seu lugar, que e a Serie A. E tem a torcida. A gente sabe que é um clube de massa. Quem não quer jogar no Santa Cruz com o Arruda lotado? Gritando e incentivando os 90 minutos? Desde que comecei a minha carreira, sempre lutei pelos meus objetivos, que era chegar a um clube grande. E estou tendo a oportunidade de estar no Santa

- Sobre a demora nas negociações, digamos que foi por conta de empresario. Mas depois tomei a frente e acertei tudo sozinho. Hoje, estou sem empresário. Quem resolve minhas coisas sou eu mesmo.


Gol de estreante salva o Santa Cruz de empatar em casa

Ricardo Bueno marca e Santa Cruz vence a segunda seguida 
Poucos toques na bola e um gol. O atacante Ricardo Bueno tem motivos de sobras para comemorar o seu primeiro jogo com a camisa do Santa Cruz. Acionado pelo técnico Vinícius Eutrópio aos 33 minutos, ele viu o Guarani empatar o jogo um minuto depois, mas aos 38 aproveitou um bom cruzamento de Tiago Costa para fuzilar o goleiro Leandro com uma cabeçada e garantir a vitória coral.

De volta ao time do Santa depois de quatro jogos fora por conta de uma lesão na coxa, o atacante Halef Pitbull voltou a mostrar o seu faro de gol. Logo no começo do jogo, fez o oitavo na temporada e se isolou na artilharia do time deixando Anderson Salles e Everton Santos (ambos com sete) para trás.

O Santa Cruz não quis perder tempo e tratou logo de aproveitar o apoio da torcida para abrir o placar. Aos quatro minutos, Nininho deu uma bela assistência para Halef Pitbull fazer 1 a 0. O próprio Pitbull foi o nome das outras duas chances do Tricolor no jogo. Na primeira, ficou na cara do goleiro Leandro Santos e chutou fraco. E, logo depois, deixou Barbio em boas condições, mas viu o companheiro errar o calibre do chute.

Aos 38 minutos do 2° Tempo, foi a vez de outro centroavante brilhar. Ricardo Bueno, em sua noite de estreia pelo Santa, fez um bonito gol de cabeça para fechar a o placar em 2 a 1 a favor da equipe coral. Com a vitória, o Santa Cruz se mantém no G-4 e está na segunda posição da Série B, com seis pontos. O Tricolor enfrenta agora o CRB terça-feira (23) ás 21:30 no Rei Pelé. 



Santa Cruz deixa o Náutico para trás, e garante vaga na Copa do Nordeste de 2018

Tricolor garante vaga na Copa do Nordeste de 2018
O Santa Cruz empata com o Náutico no Arruda em 1 x 1 na disputa pelo terceiro lugar do Campeonato Pernambucano, e garante vaga na Copa do Nordeste do ano que vem. Como tinha vencido o jogo de dia por 1 x 2 na Arena Pernambuco, ficou com o terceiro lugar e a vaga para o Nordestão que está marcado para o mês de julho. 

Os gols da partida foram marcados por Everton Santos, ainda no primeiro tempo, e Anselmo, na etapa final. As duas equipes agora voltam as atenções agora novamente para a Série B, ambos jogando no sábado. O próximo compromisso coral é contra o Guarani, no no próximo sábado, Arruda. 

Aos 20: Após grande passe de Wilian Barbio, que rasgou a defesa, Everton Santos saiu de frente com o goleiro e parou em Jefferson. A partir de então, o jogo ficou mais equilibrado, mais aberto, com as duas equipes se expondo mais e errando proporcionalmente da mesma forma. A estratégia tricolor de apostar nos contra-ataques foi coroada já nos acréscimos. Aos 46, Pereira lançou Everton Santos, que dessa vez não desperdiçou.

Ficha do jogo


Jacsson, Nininho, Bruno Silva, Jaime e Tiago Costa; Wellington Cézar, Gino e Pereira (Halef Pitbull); André Luís (Thomás), Éverton Santos e Wilian Barbio (Thiago Primão).Técnico: Vinícius Eutrópio.

Atacante Ricardo Bueno é anunciado pelo Santa Cruz

A diretoria coral anunciou mais um reforço para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. Nesta terça-feira (16), o clube oficializou a contratação do centroavante Ricardo Bueno. O Jogador de 29 anos chega ao clube para disputar posição com os atacantes Halef Pitbull, Julio Sheik e Facundo Parra.

O centroavante estava no São bento, disputando o Campeonato Paulista. Lá, o jogador disputou 11 jogos e marcou cinco gols. Ricardo Bueno também já passou pelo Oeste, Atlético-MG, Palmeiras, Atlético-GO, Joinville, o dinamarquês Nordsjaelland, o sul-coreano Seongnam Ilhwa e o Figueirense, onde trabalhou com o técnico Vinícius Eutrópio.

Bueno assinou contrato com o Tricolor até o final da Série B. Ele vai iniciar os treinos direto com o grupo. Agora, o clube espera a regularização do atacante para promover a estreia dele pelo Santa Cruz.

LEIA MAIS :

Santa Cruz anuncia o primeiro reforço para a série B

O meio campista ainda não foi apresentado, mas já treinou
Na tarde desta segunda-feira, o Santa Cruz surpreendeu ao anunciar um meia desconhecido como primeiro reforço para o campeonato nacional. Da Ferroviária-SP, Kelvy assinou contrato com o Tricolor até o final de ano e já começou a treinar no Arruda.

Aos 23 anos, Kelvy participou de dez jogos pela Ferroviária, no Paulistão. Antes disso, jogou no Juventude e no Tigres do Brasil. Ele fez a base no Grêmio e no Palmeiras, mas não foi aproveitado como profissional em nenhum dos clubes.

Kelvy é meio campista de origem. Atua centralizado e também pode jogar no lado ofensivo do campo. Além disso, pode fazer a função de segundo volante. Tem versatilidade, velocidade e uma boa técnica. Essas são as principais características do atleta 

O jogador já chegou no Arruda e ainda não foi apresentado oficialmente, mas já treinou normalmente com o elenco coral. Ele vem para preencher uma vaga no meio de campo, mas longe da área adversária. O meia pode fazer uma função semelhante a de João Paulo, hoje no Botafogo, do Rio de Janeiro, que atuou duas temporadas no Arruda.

Além de Kelvy, o Santa Cruz deve contratar pelo menos mais quatro jogadores para a Série B do Campeonato Brasileiro. O clube tem tratado a busca por reforços com cautela.


Alírio Moraes projeta vender sessenta mil camisas corais até o fim do ano

Novas camisas do Santa Cruz produzida pela nova marca ''Cobra Coral''
O presidente Tricolor projetou vender cerca de 60 mil camisas até o final do ano e espera um lucro alto com as vendas no período. Os tricolores estudaram o modelo do Paysandu, que adota a ideia desde o começo do ano passado. Os paraenses lucraram R$ 8 milhões no período de 12 meses. De acordo com o mandatário coral, a torcida tricolor é três vezes maior que a dos paraenses.

Hoje, 12 de maio de 2017, este dia está marcado para o Santa Cruz, como o início de uma nova era. 

Pela primeira vez na história, o clube passa a ter uma marca própria, no lugar dos antigos fornecedores de materal esportivo. Com isso, mira um lucro nunca antes visto no clube - algo em torno de R$ 20 milhões anuais. A partir de agora, a Cobra Coral vai estar estampada nas camisas tricolores.

As camisas começam a ser vendidas neste sábado, mas, primeiramente, nas lojas oficiais do clube. Só na próxima semana ganham as vitrines no varejo brasileiro. Serão três linhas, sendo uma profissional, que custará R$ 219; uma do torcedor, ao preço de R$ 199; e outra mais popular, no valor de R$ 99. Essa última não tem data para começar a ser vendida.


TV CORAL

CAMPEONATO BRASILEIRO - CEARÁ 1 x 3 SANTA CRUZ



------------------------------------------------------------------------------------

ENQUANTO ISSO, NO FACEBOOK